Os profissionais de emergência médica, no Reino Unido, incluiem paramédicos, técnicos de emergência médica e auxiliares de emergência. O título de „paramédico” encontra-se classificado e estritamente regulamentado pelo Conselho das Profissões de Saúde e Cuidados ( http://www.hcpc-uk.org/aboutregistration/protectedtitles ).
Os profissionais de emergência médica trabalham, muito frequentemente, numa ambulância , juntamente com outro profissional. Tipicamente, a equipa de trabalho de uma ambulância é constituida por um „paramédico” juntamente com outro técnico,  dois técnicos de emergência médica, ou um técnico de emergência médica e um auxiliar de emergência. Nem em todos os serviços de emergência  médica se encontra um paramédico em cada ambulância, sendo, no entanto, em esforço que se tem vindo a concretizar.


A maior parte do pesssoal de emergência médica são funcionário do Serviço Nacional de Saúde (NHS). No entanto, muitos são funcionários de empresas privadas de serviços de ambulâncias ou pelas duas sociedades de serviços voluntários ( a Cruz Vermelha britânica e a St. John Ambulance). Ambas oferecem serviços privados , tais como cuidados médicos em eventos ou fornecem serviços de apoio ao Serviço Nacional de Saúde, especialemente serviços de ambulâncias, mediante contrato estabelecidos para o efeito.
No Reino Unido, o título „paramédico” é atribuido, de forma restrita, a alguém que completou, com sucesso um curso de paramedicina, acreditado pelo Conselho Educativo de Saúde.  Este Conselho Educativo (Inglaterra) é um organismo que é directamente responsavel perante o Departamento de Saúde ( do governo do Reino Unido). Toda a informação relevante sobre  a educação e formação na Inglaterra, foi compilada, recentemente, através de um projecto (Paramedic Evidence Based Project) cujo relatório se pode encontrar em ( http://hee.nhs.uk/wp-content/uploads/sites/321/2014/04/PEEP-Report.pdf ). Os apendices deste relatório ( http://hee.nhs.uk/wp-content/uploads/sites/321/2013/09/PEEP-APPENDICES.pdf ) contêm a informação detalhada sobre a forma como a formação destes „paramédicos” é realizada.